...

Saturno quadrado Urano

SATURNO QUADRATURA URANO

O que se pode pensar quando o mundo inteiro para!? Urano rege a circulação, os encontros que cintilam, os Amigos, a reunião, as sinapses futuras, a Ecologia, a energia das coisas todas. A posição dele no signo de Touro, onde fica alguns anos mais, nos coloca no labirinto tentando fugir do Minotauro. Não há saída confortável quando se trata de encontrar a liberdade, é necessário atravessar o monstro, reconhecê-lo, desmistifica-lo e abrir mão da ideia construída de que se vai morrer bem. Guiar a razão e os sentidos de volta do labirinto da instintividade cega e inconsciente exige uma reconexão com a alma - energia vital. É preciso parar, páre! É um longo percurso saber o que se quer ao invés de seguir uma vontade implantada de continuar a valorizar algo que no fundo não queremos. Sim é preciso encarar o monstro, e ele já estava aí a muito tempo! Trazer de volta a própria criatividade, colocá-la a serviço de algo vital e sustentável. Renovar a Vida Natural! Urano em Touro inclui valor e autovalor, inclui estar presente na própria Vida, tornar-se presente por não estar mais mergulhado em medos e expectativas alheias.

O Minotauro pode ser cruel, a tensão da quadratura pode se mostrar numa rebeldia cegamente voluntariosa e consumista dos recursos planetários. E ao mesmo tempo os medos saturninos em aquário podem significar uma frieza e uma desobediência em relação ao convívio social e um desentendimento político muito primário a ponto de haver um risco de extinção em massa. Portanto, é extremamente necessária a renovação pessoal de valores, de hábitos, de posturas e conceitos. Estamos dependendo muito de nós mesmos e do jeito que começamos a tratar os assuntos em que estamos envolvidos. A perspectiva de futuro passa significativamente pela mudança pessoal, mudar para passar a existir.

Essa energia da presença nas diversas situações, sem absorver valores vazios, sem tentar impor qualquer coisa, desafia e é desafiada pela quadratura com Saturno em Aquário. Saturno rege a construção de consciência, maturidade através da experiência, solidez de estrutura, interesse social, convívio civilizado. Sua posição em Aquário, até 2023, nos enreda em rede, chama atenção para um tipo de renovação necessária, r-e-n-o-v-a-ç-ã-o! Isso quer dizer, algo não vai mais continuar a ser como era, por uma questão de sobrevivência. A responsabilidade Saturnina aqui, fala de algo além da raça humana, refere-se a uma responsabilidade com a Vida. Por isso, agora o contato agudo com medos, medo do extermínio, medo em questões bem pessoais, sem termos contato com nosso medo estamos condenados a nos repetir eternamente, num desvio constante. A construção de uma coletividade mais generosa e altruísta passa pela cura do egoísmo (Kiron em Aries também) porque só vamos sair da crise juntos. Nesse tempo de agora há essa necessidade de se envolver e perceber a dor do outro, é um envolvimento de cura! Ajudar, doar o que se pode doar,

Construir essa com-unidade consciente de futuro, pressupõe o trabalho de Urano em Touro, o trabalho consigo, do compromisso com a nossa própria Vida, para sermos maiores do que somos. A renovação dos próprios desejos, daquilo que se quer, isso vai mover os nossos passos de consumo. Menos desejos, ou desejos mais conscientes e mais sensíveis ao coletivo implicam não apenas em preservação da Vida, mas também em liberdade pessoal. Quando nos movemos de forma genuína há um sentimento de maior presença e consequente liberdade, um movimento mais autônomo, mas não separado e nem isolado. Construir liberdade exige um profundo desapego e um profundo respeito ao fluxo da energia presente nos acontecimentos. Esse respeito desenvolve a confiança de que as coisas tem seu ritmo.